Prefiro revisitar minhas memórias
pra me fazer sempre nova

3 de agosto de 2015

Quero escrever um poema de amor.
Um que fale do encontro de nossas almas.

Quero compor uns versos de desejo
Que te faça dedilhar em silhuetas.
Quero, assim, medir as linhas de como amar
e frequentar com você a transcendência.
                                                                                        
Quero porque quero te cuspir mil poesias
e pintar cada estrela com seus sabores.


O pôr do sol só existe quando você vai embora.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

deixe sua opinião